quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

White Sky

"Não importa o que você faça, não vá para aquela casa colorida, está bem? É perigosa."

Olá corpses.

Parece que a Rina deu uma sumida, mas estou aqui novamente e trazendo desta vez um jogo que queria escrever sobre fazia um bom tempo. White Sky estará mais apegado a uma história e personagens bem mais sentimentais do que da jogatina em si, então quando o estiver jogando se prepare para sentimentalismo e, para alguns, até umas boas lágrimas. E com cenários tão preto e branco, você se sentirá aliviado com as poucas cores que aparecem ao longo dessa pequena jornada, além de um enredo tocante. Então recomendo pegarem seus lencinhos e embarcarem nessa aventura que, embora tenha seus toques carismáticos, pode ser bem sombria.


White Sky é um jogo psicológico de aventura e drama feito no RPG Maker VX Ace, no ano de 2015, por RC Heal, originalmente no idioma inglês e traduzido para o espanhol por Fay. Com uma jogatina de 2 horas de duração, contendo no total 4 finais diferentes.


▣História▣

"Blanca é uma menina que vive em um lugar monótono onde apenas o preto e o branco predominam. Neste lugar a criatividade não é aceita e nem mesmo coisas que nos diferenciam dos outros. Neste lugar a sociedade tem a ideologia de que o mais importante é ter as melhores notas, seguir todas as regras e fazer um bom trabalho. Porém, um dia, Blanca desvia-se um pouco do caminho de casa, apenas por curiosidade, e entra em uma casa colorida e supostamente proibida onde conhecerá um garoto que mudará sua vida completamente."




▣Personagens▣

Blanca

Uma garota bastante inteligente.
Porém, sua curiosidade a move até a casa proibida.
Toby

Um garotinho bem diferente de todos ao seu redor.
Foi encontrado por Blanca na casa abandonada.
Discriminado por seu visual.

Mãe do Toby

Sempre preocupada com seu filho, ainda que o queira
estimular a ser criativo. Trabalha bastante.
É apreensiva quando se trata da opinião alheia.

Pai da Blanca

Vive alertando sua filha sobre a casa colorida.
Espera que Blanca consiga ser boa na escola.
Nada mais que isso.



▣Análise▣

■Sonoplastia■

Que trilha sonora? Não lembro de ter ouvido nenhuma. Haha. Brincadeiras à parte, grande parte da jogatina no ambiente em que predomina o preto e o branco (o qual seria a grande maioria) estaremos ambientados com um grande silêncio por maior parte do tempo, simbolizando, em vez de uma maneira boa de dar sustos como na maioria de jogos, a mediocridade daquele local e o quão sem graça ele pode ser, tanto que em momentos mais coloridos que Toby nos proporciona no "outro mundo" são acompanhados de melodias mais suaves e tranquilas como a apresentada no menu. Porém, no mundo entediante temos uma carinho especial por efeitos especiais como as vozes na hora do lanche na escola da personagem Blanca, subindo em uma escada entre outras coisas que acabam deixando aquele suposto silêncio um pouco mais agradável (ou não) para suportar enquanto jogamos. Mas foi uma maneira bem criativa do autor em representar um lugar maçante não só pelas cores e sim também pela sonoplastia que, mesmo quase inexistente, pode ter um grande significado depois de tudo.


Música tema do menu.


■Enredo e personagens■

Com certeza White Sky tenta criar uma história com o objetivo de trazer algum ensinamento para os jogadores, além de o fazer pensar mais sobre o assunto apresentado, mas não subestime o jogo apenas porque parece mais um daqueles que emocionam, trazem lições de moral e nada mais que isso. Ele acaba também explorando sim muitos elementos de terror e uma obscuridade que nenhuma pessoa que estava jogando realmente esperava dos personagens. Além da temática tocar em um tema muito questionado entre alguns criadores de conteúdo e até mesmo nos jovens: atualmente nas escolas estamos apenas estudando para poder trabalhar um dia pelo resto das nossas vidas? E também explora bastante da questão das diferenças tanto por aparência como em comportamento.

O foco principal, em relação aos personagens, vai estar centrado sobre as duas pequenas crianças que desenvolvem uma amizade considerada quase impossível. Ainda que possamos pegar mais facilmente empatia com Toby, Blanca, ainda que aparentemente pareça uma pessoa totalmente sem vida, toma várias decisões que a tornam também uma pessoa bem única na história inteira, mesmo sendo a típica personagem que não fala, mas pode ser entendida pelos demais.

O terror do encerramento da história foi bem trabalhado, mesmo que ainda falte um certo aprimoramento do autor, que é capaz de deixar alguns jogadores com calafrios na espinha, já que quando você está acostumado com um jogo com elementos de horror desde o começo fica mais fácil de aceitar quando chega em cenas mais bizarras, mas quando o jogo inteiro é ambientado como se fosse uma pequena fábula e aparece alguma parte com mais sangue que o normal, é facilmente compreensível ficar um pouco mais espantado.




■Estética■

O design do jogo inteiro, principalmente nos mapas, costumam ter uma imagem quadrada ou extremamente reta, deixando os traços muito simplificados, mesmo que esta característica não seja algo que possa-se considerar como uma coisa ruim, muito pelo contrário, passa uma ideia da sociedade correta e simples que a maioria dos personagens deseja naquele mundo. Embora, muitos ambientes, até os mais coloridos, acabaram ficando um pouco vazios demais e que poderiam facilmente ter sido preenchidos por coisas bem comuns como árvores ou mais casas. As cutscenes tem um traço bem adorável ou até mesmo aterrorizante que acabam se diferenciando um pouco da estética que é apresentada pelo rosto dos personagens durante suas falas. Cada vez que entrar no mundo de Toby o jogador poderá visualizar algumas imagens animadas em conjunto com um grande chiado que irão contar rapidamente uma pequena parte da história do garotinho e novamente elas tem um design totalmente diferentes das outras representações desenhadas.

■Mecânica■

O jogo não terá puzzles e busca de itens ocorrem mais perto da finalização, então a mecânica básica é ler muitos diálogos, ir para a escola e dia após dia embarcar em alguma nova "aventura" na casa proibida. Então, basicamente White Sky trabalha mais afundo com o desenvolvimento da história bem mais do que com a jogabilidade. Ainda que não seja um jogo de terror com as frequentes perseguições de inimigos, aqui teremos no máximo uma ou duas perseguições de nível fácil que são apenas um toque a mais no horror do enredo e não deixam nenhum jogador empacado. Durante o jogo haverão algumas perguntas que interferem em uma pequena parcela no resultado dos possíveis 4 finais, mas são as escolhas do desfecho que irão realmente influenciar na causa final.


▣Conclusão▣

Tenho que assumir que White Sky foi realmente um dos meus xodós de jogos de RPG por um bom tempo e, mesmo tendo o jogado há um ano atrás, eu realmente tinha medo de estragar tudo e escrever uma postagem bem mais ou menos sobre tudo, por isso demorei um grande tempo para pensar em finalmente iniciar uma postagem. White Sky é um jogo que vale muito a pena para aqueles que gostam de sentimentalismo e um bom desenvolvimento da história, porém esse tem um enredo não tão retratado e um tema bem atual. Ainda que não seja focado na jogatina, e no começo eu realmente achei a mecânica um pouco entediante, até mesmo nesse aspecto tem toda uma ambientação pensada totalmente no roteiro (ou talvez tenha sido apenas simplificação do autor). O tempo inteiro do jogo eu realmente esperava alguma parte que desse algum susto, já que ambientes silenciosos incomodam a maioria dos jogadores e a sonoplastia escassa tem toques que trazem ainda mais sentimento para a obra, assim como o oposto. Apesar de alguns aspectos um pouco vagos, boa parte das peças para a finalização se encaixam quase perfeitamente tornando a conclusão justificável, ainda que algumas informações não foram muito bem esclarecidas em momento algum do desenvolvimento.


*Uma recomendação de leitura que trabalha com
 um tema parecido: "Vitamin" de Suenobu Keiko. 
Recomendável para maiores de idade.



Requer RPG Maker VX Ace ( Faça o download aqui


~Rina

44 comentários:

  1. Adorei, queria jogar em português. Já que você mesma mencionou que o jogo foca mais no enredo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem sabe não haverá uma tradução? Nada confirmado.

      ~Rina

      Excluir
    2. queria muito que tivesse em portugues, porque eu não sei ingles e nem espanhol

      Excluir
    3. Mas a linguagem dele não é tão complicada, até iniciantes conseguem entender. Eu acho.

      ~Rina

      Excluir
  2. Acabei de jogar esse jogo e ele é bem depressivo e triste mesmo. Mas uma ótima história com várias reflexões, me lembrou os universos distópicos 1984 e Admirável Mundo Novo. Parabéns pelo post, nos fazendo conhecer um jogo incrível!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado, Thaís :D E sim lembra bastante.

      ~Rina

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Vou tentar jogar no cel, espero que rode porque não pretendo ligar o pc e ele parece muito bom. Estava com saldades dos jogos rpg maker

    ResponderExcluir
  5. Achei muito fofo!!!!!MEU DEUS EU QUERO JOGAR!!!!!!!! Espero que o amanhã chegue logo!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que vai gostar bastante. Espero que goste ~

      ~Rina

      Excluir
  6. Nossa,parece aquele rpg la n lembro direito aquele q quase tudo é rosa,muito parecido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas aqui vai ser tudo preto e branco.

      ~Rina

      Excluir
  7. Oh, cara, o post ficou tão instigante, li tudo em literalmente 4 minutos! Os posts da Rina e da Neil são os melhores de se ler <3
    O jogo parece ser muito bom, estou indo jogar a versão em espanhol. A coisa do "ser estranho por ser diferente" meio que me fez criar certa apatia pelo Toby, por quê eu também passo por isso na minha cidade (que é bem pequena, monótona, e "igual", aliás).
    Representar a massividade do lugar com traços simples e a escassez de efeitos sonoros realmente foi um tiro certeiro do autor, e o preto e branco tal qual como as cores, se formos perceber, é uma metáfora á tristeza e "depressão" que esse jogo passa, e as cores seria como Toby tornou a vida da Blanca mais divertida e menos monótona e chata (?).
    Acho que escrevi demais, desculpa tia Rina (choro estático), mas eu gosto bastante de opinar sobre coisas tão... NHOM <3
    Obrigada pelo post! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ownt :3 sério? Muito obrigada ^~^
      Sim,eu realmente concordo com a maneira como ele representou todo o lugar de um jeitinho tão depressivo. Embora, eu ache que o Toby deu apenas um empurrão para a Blanca, já que em minha opinião ela já tinha as cores dentro dela.

      E eu amo comentários grandes!
      Obrigada pelo comentário.

      ~Rina

      Excluir
    2. Não tem de quê, eu que agradeço por dar-se ao trabalho de responder <3

      Excluir
    3. Que nada :D Minha obrigação responder cada um dos comentários!!

      ~Rina

      Excluir
  8. O Toby é tão fofo qwq <3
    ^ Coisa que está me motivando a jogar, além da sua postagem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ;-; verdade? Assim, fico mais animada pra escrever! E concordo que ele é uma tortinha de morango fofa S2

      ~Rina

      Excluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Eu joguei esse jogo um pouco depois de ver a postagem (Já faz uns dias, mas eu n tive mta vontade de comentar, apesar de q já era 1:00 da madrugada, daí eu joguei um pouco e fui dormir ;w;), só uma coisa: MEU DESUUUUUUUUUUUU!!!! Q JOGO LINDOOOOOOOOOO!!! Amei, adorei, sem palavras q n sejam essas aí, tão normais pra uma coisa tão linda ;-; (Amei tanto q eu copiei um trecho das frases do Toby no finalzinho virou meu status no Skype ;w;). (Primeiro comentário na ZC!!! Dane-se!! Sempre adorei esse site, Ótimo trabalho pessoal :3!! Adoro vcs ^w^!!). Dúvida!!!! (Dúvida? Mais pra pergunta mesmo ._.) Tem quantos finais?? Eu quero fazer todos, mas quantos tem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gostou!!! E o jogo tem 4 finais ;D

      ~Rina

      Excluir
  11. MEU JOGO PREFERIDO FUI TRADUZIDO GENTE EU TO É MORTA <3

    ResponderExcluir
  12. Eu não sei nem espanhol nem inglês ... Eu não sei muito de inglês ... Pra isso estou fazendo um curso... Por favor botem pra portuguêS... Eu estou tão enpougada pra jogar :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Talvez tenha, mas não garanto nada.

      ~Rina

      Excluir
    2. Vou jogar em espanhol mesmo . Hoje deu vontade de jogar ;-;

      Excluir
  13. Rina, eu quero chorar....Acabei de terminar o jogo....Por que???? To querendo me jogar da ponte....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não faz isso não ;-; Encare como uma experiência de vida :D

      ~Rina

      Excluir
    2. Se fosse só por esse motivo pra me jogar da JK.....

      Excluir
  14. Nossa acabei de jogar e tô :( mas acho que não entendi bem os finais. QUEM QUE ERA AQUELA PESSOA DE CABELO CINZA BEM NO FINALZINHO???????? Não entendir não sei se deixei escapar algo haha D:

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha, tmb pegou esse final? Tmb n entendi nada ;v

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Na minha opinião, eu acho que ela encontrou uma pessoa que era tipo de outro "mundo" digamos assim, ela encontrou alguém diferente assim como o Toby, mas é minha opinião. Esse foi o final verdadeiro~

      ~Rina

      Excluir
  15. Sla pq, mas esse jogo me chamou bastante a atenção, todas as postagens eu fui pulando pensando: "Eu volto dps pra ver", mas esse eu fui e cliquei direto, joguei e tmb se transformou em meu xodó *O*
    Eu fiquei depressiva junto aos personagens, fiquei feliz, desesperada, pensando intensamente nas escolhas q eu deveria fazer ;--;
    E o final q eu consegui, fui ver agr os outros e de todos foi o meu favorito, eu n entendi muito bem, eu escolhi n matar o Tobye bem no final mesmo ficou com a Blanca de um lado de um rio (?) e do outro uma mulher de cabelo branco... Era ela? Sla, só sei q eu amei dentre todos os outros :´)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! White Sky é um dos meus RPG favoritos pela mensagem que trás e esse sentimento de empatia com os personagens.
      O seu final foi o verdadeiro. Eu acredito que ela achou alguém diferente do mundo que ela conhecia, já que ninguém tem cabelo branco, assim como o Toby tem cabelo rosa.

      ~Rina

      Excluir
  16. ok vamos ver se sou boa no espanhol
    (eu realmente gostaria de jogar com traduçao de vcs "=_=)

    ResponderExcluir