terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Immortal

"O conceito de imortalidade mais parece uma maldição do que uma bênção"


 AVISO 

Este jogo contém linguagem forte, imagens que aparecem repentinas vezes (epilepsia) e sons altos. Este jogo também contém conteúdo muito gráfico que não está limitado à terror visual, horror corporal, morte, suicídio, morte de criança e, muitas outras coisas. Então se você é sensível, esteja avisado! 

Olá aqui é a Beuregard! Estou aqui para apresentar um novo jogo de RPG Maker VX Ace chamado Immortal que traduzindo seria Imortal. Este jogo foi desenvolvido pelo ZeldaAssassin, publicado em 23 de Dezembro de 2016 e a sua última atualização foi em 14 de Janeiro de 2017, é o primeiro jogo do desenvolvedor e só está disponível em inglês. O jogo é misturado com Visual Novel e RPG Maker, além de precisar do RTP do RPG Maker VX Ace.
Immortal é inspirado em um jogo que acho que muito de vocês, corpses, conhecem... The Crooked Man
Este jogo conta uma história sobre múltiplas perspectivas e suas escolhas impactam em seu progresso e definirá quem sobreviverá no final. O jogo conta o lado negro da imortalidade e de como as consequências afetam aqueles ao seu redor. Contém uma mistura de situações realísticas com um toque de fantasia. 
Ele possui 7 finais e pode demorar 2 horas (se você quiser fazer todos os finais pode demorar mais que isso, no fim da postagem colocarei os finais para vocês :D ).

SINOPSE 

O jovem Nicholas de 22 anos acabou de sair do trabalho. Depois de recusar um convite de um colega de trabalho para sair, ele decide ir para casa. Quando está pegando o ônibus ele conhece duas pessoas: um moço de 24 anos chamado Morna que é um escritor e a motorista do ônibus, Darcey. De repente o ônibus quebra deixando Nicholas, Morna e Darcey à deriva do lado de fora de uma enorme mansão. O que está dentro dessa mansão não mudará apenas como eles veem o mundo mas quem eles são.


PERSONAGENS



A trama, como a seção "SINOPSE" já diz foca muito nas diferentes personagens e em suas perspectivas sobre o mundo em si. O jogo abrange grande quantidade de questões e temas um pouco, como eu diria, desconfortáveis, na minha opinião falar de suicídio e mortes de criança, são assuntos bem desagradáveis que fazem com que eu me sinta desconfortável. Todos esses temas giram entorno das personalidades de cada personagem, ou seja, foca-se mais no psicológico.


Nicholas 






Um homem de 22 anos que sofre de depressão, usa lentes de contato mas ele diz que seus olhos não se adequam à elas portanto em uma determinada parte do jogo ele retira seus óculos da bolsa e os utiliza.









Nicholas com óculos



Morna 







Um escritor que aspira ser famoso, tem 24 anos, sofre de depressão e está lutando para superá-la e melhorar sua condição. Ocasionalmente, um(a) amigo(a), que faz taxidermia, lhe envia ossos de animais mortos para que ele o analise. Ele faz brincadeiras constantes e adora encher o saco de Nicholas.







Darcey 







A motorista do ônibus, um pouco insegura de si e sobre seus objetivos. Ela comenta que o acessório de cabelo está em sua família a muito tempo... tempo demais.










Phoebe 





Uma criança que vivia na Mansão Foyer, ela é um dos espíritos que morreram e ficaram aprisionados lá. Quando estava viva era uma menina que se vestia de menino, quando questionada o por quê disso ela diz que um homem disse que ela estaria mais segura na rua como um menino do que como uma menina.







 ANÁLISE 



 Personagens e Desenvolvimento 

Os personagens são bem desenvolvidos, um ponto principal do jogo são seus personagens. No início fiquei receosa quanto ao seu desenvolvimento por justamente os personagens, no começo, não interagirem muito entre si, apenas curtos diálogos. O desenvolvedor é merecedor de uma medalha de ouro pelo desenvolvimento de cada personagem, lógico que os principais (Nicholas, Phoebe e Morna) são mais trabalhados e com um maior grau de importância para o enredo, entretanto, os personagens secundários (Darcey, Rachel, Derek, etc) tem uma história e são bem apresentados na trama, eles não estão jogados ali como meros NPCs.
No início do jogo a história dá a entender que Nicholas teria um maior enfoque pois ele é o primeiro personagem principal que nós vemos, mas com o passar da história você percebe que o desenvolvimento se torna mais abrangente, como se ele desse um passo de cada vez para enriquecer cada detalhe apresentado nos personagens. Pelos diálogos exibidos é capaz de discernir cada personalidade e sofrimento pelo qual cada pessoa passou e a amizade que surge entre os protagonistas é notável apesar de ter sido um pouco rápida demais, principalmente a amizade entre Nicholas e Morna. 
O desenvolvimento que mais me chamou a atenção foi a evolução do pensamento de Nicholas em relação aos outros, ele é uma pessoa que está sofrendo de depressão, acabando, por fim, se isolando do mundo e de até mesmo seus amigos que estão começando a notar que tem algo de errado. Morna e Phoebe o ajudam a superar essa situação no decorrer do enredo e o pensamento dele cresce, Nicholas começa a gostar de se sentir cercado por outros além dele mesmo.
Um dos personagens principais que achei que ficou pouco desenvolvido foi Morna, tudo o que é apresentado sobre ele é de que quer ser um grande escritor e de que tem um(a) amigo(a) que faz taxidermia e o envia ossos de animais, essa parte eu achei demasiado estranho para um personagem que tinha se apresentado como uma pessoa "alegre". Morna sofre depressão e por isso percebeu logo que Nicholas estava sofrendo da mesma doença então disse uma frase que fez com que eu perdoasse um pouco a falha no desenvolvimento, ele a disse para Nicholas...

"Você não é o único e você não está sozinho"

É nesse momento em que descobrimos que Morna também sofre depressão e está lutando para melhorar e superar...

"Eu sofro de depressão também.... Isso corre na minha família"


Uma personagem que foi uma das mais desenvolvidas depois do Nicholas, foi Phoebe. Vemos o seu passado e de como sua vida mudou da água para o vinho repentinas vezes. Phoebe viveu a maior parte da sua infância nas ruas até ser "adotada" pelo Senhor Augustus, um médico renomado. Sua vida passa da pior para a melhor em apenas um único dia, depois vemos a sua vida adentrar um pesadelo interminável até a chegada de Nicholas e Morna. Phoebe aparentou ser bem generosa, humilde e um tanto inocente, além de ter uma vontade enorme de ajudar todas as pessoas que ela encontra na Mansão Foyer. Eu cheguei a ficar com pena da Phoebe, pois, muitas pessoas recusavam-se a escutá-la e ainda acabavam por culpá-la por tudo que estaria acontecendo, ela teve um ótimo desenvolvimento e sua relação com Nicholas e Morna é maravilhosa. Eu, particularmente, adorei todos os personagens com exceção do antagonista, não que ele não seja bem desenvolvido, ele é mas eu tenho muita raiva dele.


『  Música e Ambientação 


Vamos começar pela música, pois é um aspecto que sempre procuro avaliar muito bem, eu recomendo novamente o post do meu amigo redator Bell Kalengar "O Poder de uma Atmosfera: Trilha Sonora" para que você entenda melhor sobre o assunto.

A música nesse jogo é perfeita, ela é feita apenas por piano (que é um dos instrumentos com o som mais bonito que eu já ouvi). Você não se cansa da trilha sonora e arrisco dizer que foi a área em que o desenvolvedor prestou mais atenção, ela é feita com bastante cuidado e é apresentada nos momentos certos, enquanto escrevi esse post fiquei escutando a música de abertura do Menu Principal. Os sons melancólicos fazem você sentir o sofrimento de cada personagem e entender tudo o que eles passaram, eu chorei em diversos momentos do jogo por causa da música, ela conseguiu criar uma sensação de desespero e angústia por não conseguir ajudar ou fazer alguma coisa que melhorasse a situação. Os sons de ambiente são muito bons, não tenho o que reclamar deles, houve bastante cuidado na área de sons de ambiente e praticamente não há falhas.
Vamos para o cenário e ambientação, que é um tema que eu, por incrível que pareça, não tenho muitos critérios.
O cenário se analisado friamente não tem nada de novo, foi feito com sprites base do RPG Maker VX Ace, entretanto, ele tem o seu charme pois cada cômodo é algo diferente e não a mesma coisa que o cômodo anterior, além de que ele tem uma atmosfera melancólica e triste, um ar pesado e austero e ele combina perfeitamente com a trilha sonora. A ambientação também é muito boa e todos os cômodos são relativamente grandes e espaçosos dando para explorar bem, o que é o mais importante.

『  Enredo (SPOILERS) 


O enredo nesse jogo foi apresentado de uma maneira muito interessante, a história é contada através do desenvolvimento dos personagens, portanto, a história individual de cada um dos protagonistas e NPCs conta o enredo. Começarei a colocar SPOILERS daqui para frente nessa seção, esteja avisado.
O enredo se inicia com Nicholas pegando o ônibus de volta para casa, enquanto ele estava sentado Morna tentou puxar assunto, a conversa dos dois flui muito bem até o alarde feito por Darcey, a motorista do ônibus, alegando que o veículo parou de funcionar e de que ela deveria estacionar (no jogo ela diz "fazer um pouso de emergência") para que não ocorra nenhum acidente.
Morna sugere que eles deveriam sair do ônibus para encontrar abrigo, com isso em mente, todos saem e se deparam com uma enorme construção abandonada logo à frente, a Mansão Foyer.

Lado de fora da Mansão Foyer, nesse momento
você pode interagir com Darcey e Morna, perguntando-os
sobre sua vida e sobre a situação em que eles se encontram.

Depois de conversar com Darcey e Morna, Nicholas segue em frente para adentrar a mansão e eles se deparam com ossos espalhados pelo chão. O primeiro conjunto de ossos que eles encontram são de animais de acordo com Morna e o segundo conjunto são ossos... humanos.
Nesse momento podemos ver que Nicholas sente aversão por coisas assustadoras e macabras pois ele é o único a ficar assustado com a cena, ele propõe que os três devem sair imediatamente da casa mas sua sugestão é descartada pois Morna diz que se eles saírem seriam devorados por lobos. 
Para não dar muitos spoilers sobre a história vou apenas dizer que você presenciará três situações que definiram os finais que pode conseguir.
O objetivo deles é simples: passar a noite na Mansão Foyer e voltar para casa quando amanhecer. Durante a jogatina começamos a explorar ainda mais o passado do lugar e descobrimos que existem fantasmas rondando o ambiente. Eles não saem da Mansão Foyer até todo o passado ter sido revelado e o mistério desvendado.


『  Mecânica e Gráficos 


Primeiramente os comandos básicos:

Setas(Arrow Keys) = movimentar o personagem
Z / Espaço = confirmar
X / Esc = cancelar
ALT + Enter = entrar/sair do modo tela cheia

A mecânica do jogo é bem simples e fácil de se jogar como todo RPG Maker VX Ace. Não há perseguições ou quebra cabeças muito difíceis, consegui resolver todos sem nenhum problema. E mais um elogio ao desenvolvedor: não encontrei bugs nesse jogo e nem vi relatos de outros bugs na comunidade, então não há bugs, isso é muito BOM *-*
A jogabilidade se resume somente à exploração da Mansão Foyer, não tenho críticas em relação à ela.
Eu achei os gráficos bem bonitos e caprichados e as artes foram feitas no programa de edição de imagens chamado GIMP e eu as achei muito boas, os sprites dos personagens foram feitos com muito cuidado, no sprite de Nicholas podemos ver até o topete do cabelo dele.
No jogo podemos escolher quem lidera a equipe, apesar de não encontrarmos batalhas, segue aqui algumas das formações que você encontrará:

Essa formação é encontrada no início do jogo

Essa formação é encontrada quando você "recruta" Phoebe


Essa formação é encontrada no final do jogo...


Uma coisa que devo alertar sobre o menu, algo muito bom, toda a vez que você mexe no Menu de Pausa, você escuta notas de piano e esse detalhe eu gostei muito, dá até para compor uma música...


Conclusão 

Pelas circunstâncias supracitadas, eu creio que a minha opinião sobre o jogo ficou muito clara: ele é muito bom e eu recomendo à todos que joguem. Os dois pontos mais fortes do jogo foram: o desenvolvimento dos personagens e o enredo. Raramente encontro histórias em que o enredo progride através do desenvolvimento de seus personagens e até onde pude perceber não há pontas soltas nesse jogo, tudo tem uma explicação. O conceito dos fantasmas foi surpreendentemente impressionante, eu pensei que eles fossem apenas os fantasmas clássicos que estamos acostumados a ver em diversas obras de terror, mas nesse jogo eles tem um motivo para estarem ali e o desenvolvedor explica sua origem, como eles vivem e suas angústias. Sobre os personagens, eles são carismáticos e você consegue se conectar com eles, você sofre junto deles, eu consegui manter todos vivos na primeira jogatina, o que foi uma sorte, pois em vários momentos fiquei muito desesperada já que em diversas situações eu fiquei pensando: "Se personagem tal morrer, como isso afetará psicologicamente o outro? Não quero vê-los sofrer! Vou fazer de tudo para salvá-los!".
Devido aos fatos apresentados acima, eu recomendo que você jogue o jogo e se divirta muito, aqui vai a imagem do Final 1: Nunca Esquecidos.






【  AJUDA COM OS FINAIS  



【 SPOILERS FORTES / ESTEJA AVISADO 




『 1° Final: Never Forgotten (Nunca Esquecidos)  

Todos os personagens devem sobreviver para você conseguir este final.

 2° Final: As Long As You're Safe (Desde que você esteja a salvo 

Apenas Nicholas e Morna sobreviveram. Phoebe precisa morrer para que você consiga este final.

 3° Final: I Will Never Leave You (Eu nunca deixarei você)  

Apenas Morna e Phoebe sobreviveram. Nicholas precisa morrer para que você consiga este final.

 4° Final: What They Don't See (O que eles não veem)  

Apenas Nicholas e Phoebe sobreviveram. Morna precisa morrer para que você consiga este final.

 5° Final: Bestseller  

Morna é o único sobrevivente. Nicholas e Phoebe precisam morrer para que você consiga este final.

 6° Final: Welcome To The Family (Bem-vindo à família) 
 


Nicholas é o único sobrevivente. Morna e Phoebe precisam morrer para que você consiga este final. Se Phoebe já morreu na sua jogatina, o momento em que Morna morrer, você receberá o final.

 7° Final: A Familiar Face (Um rosto familiar)  



Phoebe é a única sobrevivente. Nicholas e Morna precisam morrer para que você consiga este final. Se Nicholas já morreu na sua jogatina, o momento em que Morna morrer, você receberá o final.


 ACABARAM OS SPOILERS 



 DOWNLOAD  


O jogo pode ser baixado aqui.

Caso tenha dificuldade em jogar na página oficial do ZeldaAssassin (seu tumblr), ele postou os walkthrough e de como obter todos os finais, sem conter nenhum spoiler <3 Bom jogo!

-------------------------------------------

TODAS AS IMAGENS FORAM DISTRIBUÍDAS PELO DESENVOLVEDOR ZELDAASSASSIN
AS IMAGENS QUE SÃO PRINTS FORAM TIRADAS POR MIM <3 





17 comentários:

  1. Respostas
    1. HAHAHAAHAHA SABIA QUE VC IA DIZER ISSO
      Coisa fofa <3
      *-*
      Que bom que tenha gostado!

      Excluir
  2. Parece uma misturia do "Ponto de onibus do Amayado" e "Corpse Party". Se é que me entende. p-p

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim te entendo e pensando agora parece mesmo! *-*

      Excluir
  3. Olá~ desculpa incomodar a está hora por causa de um post de quase 3 anos atrás mas... Eu acabei excluindo sem jogar o jogo Garden Gray The (aquele The Gray Garden só que invertido os sexos), mas quando clica para baixar no post de download do The Gray Garden aparece um erro "Not Found Error 404". Sei que vocês tem vida pessoal e que precisam se dedicar a ela também, por isso quando vocês tiverem um tempo, poderiam arrumar? Não botando pressão nem nada, pode ser quando vocês quiserem, só falando mesmo :p

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela notificação e estamos fazendo o possível para recuperar a página.

      Excluir
  4. A história parece ser bem interessante. Vou baixar e jogar pra ver. Talvez coloque no meu canal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu te respondi no comentário abaixo sem ser em uma resposta! Desculpe-me. Espero que se divirta jogando PlayerBanzai

      Excluir
  5. Parece um jogo bem interessante,parece bem envolvente e detalhado, quando chegar o fim de semana eu vou tentar baixar!!! Detalhe que eu devo demorar um 2 ou 3 dias pra terminar o jogo, pois eu tenho uma idiotice dentro de mim que só me permite terminar um jogo bem depois que eu o instalo, o menor e mais fácil dos puzzles são grandes desafios para mim!Gostei muito do post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, espero que goste do jogo, sei como é, os puzzles desse jogo são bem fáceis, se bem que eu demorei 4 horas pra terminar kkkkkkk
      Divirta-se ♡♡♡♡

      Excluir
  6. Agora fiquei curioso para jogar esse joginho... hehe

    ResponderExcluir
  7. Eu queria muito jogar o jogo, mas tenho alguma dificuldade com inglês. Será que o jogo poderia ser traduzido?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mandarei a sugestão para a equipe de tradução do ZC!

      Excluir
    2. No momento todos os tradutores se encontram ocupados com outros projetos. Sinto muito.

      Excluir
  8. Acabo de finalizar minha jogatina de Immortal
    esse jogo tem uma historia muito triste mas ao mesmo tempo passa uma mensagem bonita
    fazia um tempo que eu não jogava algo do tipo
    obrigado por mostrar esse jogo

    ResponderExcluir
  9. @Pessoal do Zero Corpse
    Morna é uma mulher.

    ResponderExcluir