domingo, 4 de dezembro de 2016

Fun time: Mundo Invertido, Paralelo, Mundo dos Sonhos?




Nessa postagem, eu, Beuregard, vou falar dos diversos mundos que podem compor e coexistir com a nossa linha temporal ou até mesmo existencial? O seu alter ego de outro mundo pode ser surpreendentemente reverso ao seu “eu presente”. E neste caso estes outros “mundos” que vou falar são: Mundo Invertido, Mundo Paralelo e Mundo dos Sonhos. Muitas pessoas sabem o que eles são e onde eles são mais famosos. Mas será que nós, seres humanos, somos capazes de compreendê-los?

O que a maioria das pessoas conhecem é de que o Mundo Paralelo é uma realidade alternativa, ou seja, uma outra linha do tempo cheia de novas e infinitas possibilidades. Dar-lhe-ei o exemplo:

Link da Imagem

1°Linha Temporal:
Joshua morreu em um acidente de carro pois se esqueceu de colocar o cinto.
2° Linha Temporal:
Joshua não morreu no acidente de carro pois sua esposa o lembrou de colocar o cinto. 


Entenderam o que significam duas linhas temporais diferentes? Ainda não? Bom, aqui vai mais um exemplo.

Tenho duas escolhas, A e B, que levam à caminhos diferentes, C e D.
Se eu escolher a A posso ir tanto para o caminho C como para o caminho D.
Se eu escolher a B ocorre a mesma coisa que se eu escolhesse a alternativa a A.

Ou seja, eu não sei o que vai acontecer se eu escolher A ou B, mas eu tenho que escolher uma delas. Eu não sei o futuro dessas escolhas mas posso prevê-los, tanto da forma correta como da forma errada.

1°Linha Temporal
Escolhi a A que me levou a D que me levou à ficar pobre
2°Linha Temporal
Escolhi a B que me levou a C que depois me levou a ser sócia do Bill Gates

Basicamente linhas temporais são variações das demais escolhas apresentadas na sua vida, ou seja, vai aquela pergunta: E se eu tivesse feito isso ao invés daquilo? Minha vida estaria melhor ou pior?
A resposta é de que ninguém sabe o que poderia ter acontecido, não há como prever isso apenas imaginar diversos fatos. Muita gente acredita que os Mundos Paralelos são diversas Linhas Temporais que possam coexistir com o nosso mundo presente.
Essa é uma das teorias aceitas, aquela de que os universos paralelos (mundos paralelos) são coisas que poderiam ter acontecido se tivéssemos feito outra escolha. Um Mundo de Possibilidades.
Sachiko Shinozaki (Corpse Party) criou uma
dimensão que era um reflexo de sua escola.
Mas como todos nós sabemos existem as tais dimensões criadas por personagens, essas dimensões criadas seriam basicamente uma versão distorcida da primeira, como se fossem apenas ecos do nosso mundo. Um reflexo mal feito à partir de uma sombra. Geralmente são pequenas áreas, como escolas.
Como vemos em jogos de terror famosos como Misao ou Corpse Party, geralmente é necessário um sentido de ódio ou raiva, até mesmo vingança para se criar um Mundo Invertido (reflexo distorcido do nosso). Se fôssemos analisar isto de forma crua podemos até considerar nossos próprios sonhos como Universos Paralelos. Sempre é a mesma coisa: uma garota/garoto sofre bullying ou é posto ao limite, se mata ou é assassinado, ressuscita na forma espiritual, cria um mundo cheio de espíritos e armadilhas para se vingar das pessoas que um dia já o caçoaram e você é o protagonista que ou foi uma das pessoas babacas ou foi alguém arrastado para lá
Misao
contra a sua vontade.
Quando começo a pensar nisso, em como uma alma/espírito possa criar um mundo (por mais que seja apenas a escola, mas ainda continua sendo grande coisa) penso que possa ser magia, bruxaria e qualquer tipo de coisa.
E nunca vemos um Mundo Invertido que não seja uma versão assustadora do Mundo “Original”. Sempre são fantasmas, monstros e criaturas (como o Gato de Cheshire de Alice Mare) querendo atazanar a sua vida até então quieta e tranquila.
Encaramos vários mundos assim como em Alice no País das Maravilhas, onde a maioria dos personagens são personificações de pessoas reais encontradas no mundo real de Alice. E sempre há um personagem misterioso nessas histórias, aquele que sempre sabe demais, que não é igual aos outros como se soubesse toda a verdade por trás daquele mundo de fantasia, mais necessariamente: o Gato Risonho.
Podes dizer-me, por favor, que caminho devo seguir para sair daqui?
Isso depende muito de para onde queres ir - respondeu o gato.
Preocupa-me pouco aonde ir - disse Alice.
Nesse caso, pouco importa o caminho que sigas - replicou o gato. 

 

Ainda temos o Gato Risonho de Alice Mare que rouba (spoiler) almas.
Muitas vezes estes mundos fantásticos sem nexo são descritos como sendo o sonho do(a) protagonista. Imagens e figuras sem coerência, personagens sem sentido algum andando e falando qualquer coisa que lhe vier na mente, são características dos sonhos.
Pelo que pesquisei e entendi você, sonhador, sonharia com partes de um Mundo Invertido, por isso são pequenas visões e você tecnicamente não consegue se lembrar por se tratar de um Mundo Invertido.
Mas para saber disso… você precisaria estar lá. Basicamente, existe outro igual à você em Mundo Invertido, mas ele (outro eu) pode ter uma personalidade completamente diferente, incluindo morais diferentes, vida diferente mas ainda há algo que conecta os dois pensamentos.
Eu acho que a sua mente assim como a minha já ficou bastante confusa, hahaha, mas tenho que falar de mais uma coisa sobre o Mundo Invertido, mais precisamente, seu subnível.

Mundo Espelhado
O Mundo Espelhado seria o nosso mundo só que com o seu reflexo no espelho enquanto o Mundo Invertido é um eco sombrio de nosso mundo, um reflexo mal feito a partir da nossa sombra, o Mundo Espelhado seria o nosso mundo (com cores e afins) ao contrário, como se fosse num espelho literalmente.
Temos um exemplo disso no livro de Alice Através do Espelho, onde tudo e todos estão virados de cabeça para baixo por serem, basicamente, um reflexo do nosso mundo em um espelho. Se o Mundo Invertido era sombrio este é louco e alegre na medida do possível. Imaginem por um momento se Donald Trump fosse bom em um Mundo Espelhado.
Para se ter uma boa noção do que estou falando basta ver o trailer de Alice Através do Espelho no qual o Gato Risonho diz,
Quando o céu se torna o mar”

O Mundo Espelhado é isso, tudo o que reflete, como a água, tem um grande fator para a reflexão do nosso mundo.
Cada Um tem suas Regras
Cada mundo seja ele alternativo, paralelo, invertido, espelhado, cada um deles é único. Todos os tipos têm suas regras, por exemplo, o Mundo das Maravilhas original tem suas regras enquanto O Mundo (Sonhos) de Alice Mare têm outras.
Eles são regidos por seres que os comandam, pode ser aqueles que foram criados (personagens, o Gato Cheshire e o Coelho Branco de Alice Mare) ou pelos próprios criadores (Sachiko de Corpse Party e Misao de Misao).
Na maioria das vezes você deve quebrar as regras desse mundo ou encontrar alguma brecha nelas para poder sair do Mundo Paralelo no qual se encontra, se você não sabe as regras jamais vai poder combater o criador/gerenciador do mundo em que reside... ou ficará preso para sempre, talvez, em sua própria mente...
Então, você teria coragem para “conhecer” estes outros mundos ou até mesmo o seu outro eu?

●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●

Olá estou muito feliz por ter passado no teste de Redator! Eu estou muito feliz em conhecer vocês e fazer parte da equipe maravilhosa do Zero-Corpse! Obrigada desde já! :D

●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●●

48 comentários:

  1. Woah, adorei o assunto! *-* Parabéns por ter passado no teste de redator, espero que faça coisas maravilhosas haha <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado bem! Que bom que você gostou, fico muito feliz por isso! E também espero fazer coisas maravilhosas para o Zero-Corpse quanto como para vocês, meus leitores queridos! <3

      Excluir
  2. Caraca, que post incrível, adorei!
    O assunto foi bem diferenciado, parabéns, foi tão massa que até me fez tomar vergonha para comentar ^^''
    Seja bem-vindo(a) Beuregard, tu é ótimo(a) com essa coisa de redator, aparentemente, leva jeito na coisa, parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Onwt! :3
      Não precisa ter vergonha pra comentar! Eu fico muito grata por responder seu comentário :3
      Obrigada pelas boas vindas e obrigada por me elogiar como redatora!

      Excluir
  3. Adorei o post owo! (Primeiro post grande que eu leio da ZC..ewe..) Eu amei o assunto também.. <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada e eu estou muito feliz de ter sido aquela que escreveu o post grande que você leu! Hahahaha! O Zero-Corpse tem muito conteúdo sobre diversos assuntos relacionados à terror e RPG Maker, por favor leia-os, eles são muito interessantes também!

      Excluir
  4. Adorei o post! Você falou muitas coisas interessantes! Por mais que em algumas partes eu não entendi nada, XD. Mas eu realmente adorei o post! Obrigada por postar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada bem! Que partes você não entendeu bem? Posso explicar por aqui se quiser! <3 Aguardo sua resposta linda!

      Excluir
  5. Nossa que post interessante, confesso que já pensei bastante nisso, até demais na verdade. E sim, eu adoraria conhecer meu outro eu. Seria interessante saber quem eu seria e o que as escolhas certas ou erradas poderiam ter me levado a ser. E como minha vida poderia ter sido ou ser kkk. Isso é confuso!
    Parabéns por ter passado no teste de redator! Com toda a certeza mereceu vencer! Seja bem-vinda ao ZC!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Se bem que eu já pensei nisso e é triste não poder saber de todas as possibilidades.

      Excluir
  6. Amei esse post, ainda mais a parte da linha temporal, já tinha conhecido, sou louca por isso, pra mim é uma das coisas mais incríveis que existe no mundo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! Eu escolhi esse tema por gostar e manjar um pouco nessa área de mundos e linhas temporais pois eu acho muito interessante esse conteúdo!
      Obrigada por amar o post <3 :3

      Excluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Parabéns por ter passado no teste de redator, adorei e achei muito interessante seu post, digo que já pensei em conhecer meu outro eu e também já pensei em como seria um outro mundo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada(2x)! :3
      Eu também já pensei em conhecer o meu outro eu, seria muito emocionante e muito bugado ao mesmo tempo! Imagina se meu outro eu é alguém que não gosta de pizza ou doces? Ainda bem que prefiro eu mesma hahahaha!

      Excluir
  9. Venho toda feliz pensando que é uma tradução nova... e chego aqui.. é isso '-' ! Afz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei se você sabe, mas o blog não é só de traduções. Então pare de desmerecer outros tipos de posts.

      Excluir
    2. Dei minha opinião, não gostou, não devia nem ter comentado...

      Excluir
    3. Não não, o anônimo está certo. Isso aqui não é questão de "opinião". Você tá querendo causar aqui?

      Nós traduzimos tendo em mente principalmente aqueles fãs que merecem, que nos apoiam e não nos cobram (que aliás, nem deveriam cobrar de qualquer forma, afinal, todo este trabalho é feito de graça e de coração).

      As traduções vão sair no seu tempo certo e essa sua linha de pensamento vai nada menos que piorar tudo. Pense duas vezes antes de postar esse tipo de comentário.

      Excluir
    4. Além do mais, isso foi um desrespeito à Beuregard e aos outros redatores que se esforçam para fazer a redação do blog.

      Excluir
  10. To no chão. Adoro esse tipo de assunto e esse foi o melhor post do mundo!!! favoritei até.
    E parabens por ter passado no teste, Beuregard!!!
    Beuregard, você usou algum outro texto para escrever ou foi tudo da sua cabeça? Porque se sim, eu gostaria que você me passasse o link para eu poder ler mais sobre.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na realidade eu usei diversas fontes de pesquisas e na maioria foi sim da minha cabeça, as fontes das quais me refiro são Alice Mare, Corpse Party e Misao, todos jogos de RPG Maker já disponíveis do Zero Corpse!

      Excluir
  11. Parabéns :3 ... amei o assunto já li um livro sobre isso... já estou esperando a próxima publicação

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério!? Quero muito livros desse gênero, se puder me indicar algum desde já agradeço!
      Obrigada pela parabenização! :3

      Excluir
  12. quanto ao assunto em questão, a forma como usou artigos de caráter conhecido tornou facil o entendimento, gostei de sua forma de escrever :3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! :3
      Espero te entreter com outros posts!

      Excluir
  13. Geente... geralmente eu não comento muito, mas, meu Deus! Que post maravilhoso Beuregard, nunca tinha ouvido muito sobre esses mundos, mas vc realmente fez eu me interessar bastante, faça mais posts como esse ♥
    Parabéns, seja bem-vindo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelos elogios! Espero agradá-la com outros posts! <3 :3

      Excluir
  14. Obrigada por todo apoio recebido nos comentários galera! Estou amando participar do Zero-Corpse! Obrigada à todos que leram o artigo, <3

    ResponderExcluir
  15. TO DE QUEIXO CAÍDO, cara d+, vc mereceu passar no teste, assunto maravilhoso, explicação maravilhosa!!!!! Eu até fiquei pensando, se houvessem jogos de rpg maker que explorassem tal tema na mesma amplitude na qual vc explicou, dando mais enfase a forma com que o protagonista lida funcionamento das regras desses mundos se deslocando por eles... vou até mostrar o post pra alguns amigos meus !!!!! ficou muito bom!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, o suporte de todos é muito importante, fico feliz que tenha gostado e sim eu também amaria que houvessem jogos de RPG Maker que explorassem o tema! Vai que algum dia acontece né!? kkkkk
      Obrigada por todos os elogios!

      Excluir
  16. otimo post
    amo essas coisas sobre universo paralelo
    e bem-vinda, beuregard

    ResponderExcluir
  17. Respostas
    1. Obrigada Willy, desejo o mesmo para você!

      Excluir
  18. Seja bem vinda, Beuregard! ♥ Eu sou sempre a atrasada dos comentários (em todo lugar que vou!), mas não podia deixar de vir te parabenizar por ter passado nos testes. E você já veio com O MEU ASSUNTO FAVORITO, é sério isso? Quero te colocar em um potinho. Adorei os seus pontos de vista a respeito do assunto. Jogos de escolha são ótimos exemplos pra esse tipo de coisa, e nem é só RPG Maker... Life is Strange, Until Dawn e outros jogos famosos também mostram as realidades alternativas de um jeito muito bacana. Só sinto falta de livros sobre o assunto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela parabenização! Se eu for para um potinho, serei uma fadinha do Link! <3
      Fico muito grata por esse ser um tema de seu agrado, espero poder escrever ainda mais artigos que sejam da preferência dos meus queridos leitores! Em relação aos jogos, Witcher 3 Wild Hunt é um bom exemplo de Mundos Paralelos e Invertidos, quando você está em uma missão com Avallach você viaja para vários lugares e diferentes mundos, o elfo sábio explica um pouco desse tema. Livros realmente são muito raros, mas se pararmos para pensar, Harry Potter e Senhor dos Anéis, por exemplo, já são realidades alternativas criadas por outras pessoas, eu pesquisei por aí nas nets e achei uma teoria que falava de que cada universo criado (ex: Harry Potter) para livros, realmente existe e de que em algum momento da vida os autores passaram por seus mundos de criação!
      Esse assunto é um dos melhores mesmo!
      Bjs <3

      Excluir
  19. otimo post, e parabens pela aprovação :3

    ResponderExcluir
  20. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  21. muito bom......eu estou fazendo um jogo!!! espero que me ajudem pois a historia e otima! espero que voces me ajudem :3

    ResponderExcluir