sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Horror Time: Algumas Creepypastas Famosas

"O maior medo dos humanos, além do medo do inexistente, é o de sua
própria imaginação conseguir torná-lo real."

(Recomendamos que essa postagem seja lida no escuro, de noite ou madrugada, na ausência de mais pessoas no cômodo e com fones de ouvido para acompanhar a trilha de suspense.)



Aloha, corpses, e boa madrugada. 

Do que vocês têm medo? 

O medo é um sentimento muito individual, por mais que seja compartilhado por todos. Cada um de nós possui um medo diferente, um sentimento capaz de impedir o raciocínio e a lógica de fazer o seu trabalho. Algo que proporciona uma insegurança desesperadora quanto a qualquer momento futuro. Algo tão poderoso a ponto de mudar quem o sente por completo, alterando os pensamentos e personalidades de alguém, deixando-o impossibilitado de ser a pessoa que sempre foi.

Em jogos de RPG Maker o medo é um material muito utilizado. Em alguns, a estratégia para ser um bom jogo é fazer o jogador sentir medo. Em outros, os personagens precisam ter medo para o jogador sentir algo.

Por Bloodpus
Mas hoje não falaremos de jogos de RPG Maker. Vamos tentar fazer o medo surgir por outros meios: as populares creepypastas.

Para quem não sabe, creepypastas são lendas urbanas criadas e difundidas pelo mundo todo através da internet. Geralmente os mitos são sobre seres sobrenaturais, criaturas desconhecidas ou apenas acontecimentos terríveis - inventados ou verídicos - postadas em fóruns ou blogs. Algumas creepypastas se tornam tão famosas a ponto de os fãs criarem jogos, curta-metragens, cosplays e até brinquedos. Eu selecionei quatro das mais conhecidas e mais curtas para hoje; talvez eu faça uma continuação para esse tipo de postagem, se vocês gostarem, então não esqueçam de comentar suas opiniões e sugestões de creepypastas para uma possível futura sequência.

Além disso, a autenticidade de toda creepypasta é questionável. Enquanto uns aceitam imediatamente o conto de terror que leram, outros insistem em analisar cada mínimo detalhe para apontar evidências que provem que tudo é falso. Se os contos são reais, cabe a você, baseado em suas crenças e ideias, acreditar ou não.

É impossível fugir do medo, porém há muitas maneiras de atraí-lo.

Ler creepypastas é um deles.

Então... Do que vocês têm medo?

Eyeless Jack

"Olá, meu nome é Mitch. Estou aqui para relatar a vocês uma experiência que tive. Não sei se isso foi paranormal ou qualquer outro nome que as pessoas usem para descrever fenômenos sobrenaturais, mas depois que aquela coisa me visitou, eu acredito em qualquer lixo paranormal.

   Logo que fui morar com meu irmão, Edwin, assim que minha casa foi vendida, eu comecei a desempacotar meus pertences. Deixei minha câmera favorita, presente de meus pais, sobre minha cabeceira. Edwin gostou da ideia de eu ir morar com ele. Afinal, faziam anos desde que nos víamos. Eu também estava animado. Terminei rapidamente de arrumar o meu quarto e adormeci em minha cama.
  Tudo corria normalmente por uma semana, exceto por alguns barulhos vindos da minha janela. Na primeira vez em que fui acordado por esses ruídos, pensei ser guaxinim e voltei a dormir. Depois que isso se repetiu por toda aquela semana, decidi falar com Edwin, mas, estranhamente, segundo ele, não existiam guaxinins na região. Eu comecei a ficar com uma certa curiosidade e um pouco de medo, porém pensei no mais sensato, que deveria ser qualquer outro animal, deixando minha preocupação exagerada um pouco de lado.
   Isso continuou por mais alguns dias até que numa noite eu pensei ter ouvido o barulho da minha janela abrindo e, em seguida, um estrondo, como se alguém tivesse entrado pela janela  e se esborrachado no chão. Me levantei abruptamente e olhei em volta, mas não vi nada e voltei a dormir, afinal, deveria ser só minha imaginação. Após acordar de manhã, fui até a cozinha. Assim que meu irmão me viu, arregalou os olhos, largou a xicara de café e foi correndo ao banheiro. Quando voltou com um pequeno espelho em suas mãos, pálido, Edwin apenas ergueu o espelho para meu rosto, e vi em meu reflexo um grande corte na minha bochecha esquerda, como se houvesse sido cortado por garras.
   Edwin me levou ao hospital para dar pontos em meu ferimento. Não falamos nada no carro, assustados. O médico disse que devo ser sonâmbulo, mas me preveniu que essa não era a pior notícia. Então, foi quando me disse aquilo, naquele tom peculiar, que meu sangue começou a esfriar, ofeguei fortemente e meus pelos se arregalaram com meu pavor. O médico disse que eu, de alguma forma, havia perdido o rim esquerdo na noite anterior. Eu preferi acreditar que era tudo um sonho ruim e que eventualmente isso tudo iria acabar, porém o que estava prestes a acontecer era demais para minha sanidade. 
   Aquela noite foi meu ponto de ruptura. Logo na madrugada seguinte após eu voltar do hospital, por volta de meia-noite, eu acordei e me deparei com uma visão verdadeiramente horrível: eu estava olhando cara a cara com uma criatura bizarra sobre o meu corpo. A coisa usava um capuz preto e uma máscara azul escura. Sem nariz ou boca, ele olhava para mim. O que... o que mais me apavorou foi que a coisa não tinha olhos, apenas duas vazias órbitas escuras, das quais saía algum tipo de substância negra. Eu não sei porque decidi fazer isso, mas peguei minha câmera na cabeceira e tirei uma foto da criatura. Assim que um flash foi jogado no rosto daquilo, a coisa pulou em cima de mim e tentou abrir meu peito com suas garras, rasgando minha camiseta e depois minha pele, com a finalidade de chegar a meus pulmões. Me defendi chutando-lhe o rosto e corri para fora do meu quarto, desesperado, quando o monstro sangrento foi derrubado no chão. Aquela criatura ia arrancar todos os meus órgãos, disso eu tinha certeza! Saí da casa de meu irmão, indo em direção à escuridão. Corri, corri, corri até não poder mais, corri até meus pulmões não aguentarem, até minhas pernas começarem a doer e acabei chegando a uma floresta. Meus pés tropeçaram nos galhos no chão, e fui vencido pelo cansaço, caindo inconsciente no meio da mata.
Feito por Ehstegs
     Acordei no hospital, e, aliviado, pensei que tudo foi um sonho. Sim, eu ainda estaria sendo tratado pelo corte no rosto e perda misteriosa do rim, e a qualquer instante Edwin entraria em meu quarto, e riríamos juntos desse sonho estranho. Porém eu estava enganado, e foi o médico quem entrou na sala com alguns papéis em mãos. Disse ter duas notícias, uma boa e outra péssima. Ele dirigiu seus olhos a mim.
    "A boa notícia é que você sofreu ferimentos leves e seus pais estão vindo buscá-lo". Suspirei tranquilo, tudo havia realmente sido apenas um terrível pesadelo. Então perguntei ao médico sobre Edwin, e se ele viria com meus pais.
    "Essa é a outra notícia: Edwin está desaparecido. Quando você foi encontrado na floresta e levado para o hospital, não acharam nenhum sinal de seu irmão na casa dele. Ainda estão procurando, mas talvez ele até possa estar morto, com seu paradeiro desconhecido. Mitch, eu... eu sinto muito."
   Meus pais me levaram de volta à casa de Edwin para recolher meus pertences restantes. Ao entrar no meu quarto, senti um medo e tristeza incontroláveis, mas mantive a calma. Recolhi uma caixa e minha câmera jogada ao lado da cama. No corredor que leva para o aposento, vi algo pequeno no chão, que eu provavelmente teria derrubado ao fugir da criatura encapuzada sem olhos. Peguei aquela coisa sem ao menos saber o que é e saí da casa, entrando no carro dos meus pais. Fiquei no banco traseiro olhando a casa se afastar pela janela, então decidi olhar com mais cuidado aquela coisa caída no chão do lar de Edwin. Quase vomitei ao ver o que era. O que eu segurava era meu rim roubado, mordido e com alguma substância negra sobre ele. Um grande buraco no centro dele guardava os dois olhos de Edwin."

Foto tirada por Mitch.

Jeff, The Killer

A creepypasta do Jeff the Killer é tão famosa que talvez, sendo real ou não, Jeff entre na lista dos psicopatas mais temidos de todo o mundo.

Como a história de sua origem é longa demais para esta postagem, por favor, leia-a aqui.

A insanidade de Jeff conquistou milhares de pessoas e, durante anos, essa foi uma das creepypastas mais lidas e adoradas. Entretanto, ninguém sabe de onde surgiu ou quem a escreveu, por mais que digam que foi baseada em séries de assassinatos misteriosos nos quais o homicida pedia a suas vítimas para ir dormir e sempre desaparecia após matá-las.

Abaixo está incluído um trecho de um jornal local que conta um desses assassinatos, em que a vítima consegue sobreviver para contar a história.




TERRÍVEL ASSASSINO EM SÉRIE DESCONHECIDO 
AINDA ESTÁ À SOLTA

Depois de semanas de assassinatos inexplicáveis, o assassino sinistro está com seu paradeiro ainda desconhecido. Poucas evidências foram encontradas; um jovem garoto diz ter sobrevivido a um dos ataques, e corajosamente nos revelou os acontecimentos.

Feito por Zyari
“Eu tive um pesadelo e acordei no meio da noite. Eu vi que, por algum motivo, a janela estava aberta, mesmo que eu me lembre de tê-la fechado antes de eu ir para a cama. Levantei-me e fechei-a mais uma vez. Depois disso, eu simplesmente rastejei pra debaixo de minhas cobertas e tentei voltar a dormir. Foi quando eu tive uma sensação estranha, como se alguém estivesse me observando. Olhei para cima, e quase pulei para fora da minha cama. Lá, em um pequeno raio de luz, iluminando entre as minhas cortinas, tinham um par de olhos. Não eram olhos normais. Eles eram escuros, ameaçadores e de um preto profundo e… simplesmente… planando lá, me aterrorizando. Foi quando eu vi a boca. Um sorriso muito horrendo que fez todos os pelos do meu corpo ficarem em pé. A figura estava ali, me observando. Finalmente, depois do que pareceu uma eternidade, ele disse. Uma frase simples, mas disse de uma forma que só um homem fora de si falaria.
    Ele disse ‘Vá dormir’. Deixei um grito escapar, e foi isso que fez ele vir até mim. Ele me apontou uma faca, direto no meu coração, e pulou para cima da minha cama. Eu lutei com ele, chutei, soquei, rolei pela cama, tentando tirá-lo de cima de mim. Foi quando meu pai entrou no quarto. O homem jogou a faca, diretamente no ombro de meu pai. O homem provavelmente acabaria com ele, se um dos vizinhos não tivesse chamado a policia.
    Eles estacionaram na frente da minha casa, e correram para a porta. O homem deu a volta e correu escadas abaixo para a entrada. Eu ouvi um barulho de vidro quebrando. Quando saí do meu quarto, eu vi que a janela do fundo da minha casa estava quebrada. Eu olhei pra fora, e vi ele correndo já longe. Eu posso dizer uma coisa, que eu nunca vou esquecer o rosto dele. Aqueles olhos malditos, frios, e o sorriso psicótico. Isso nunca vai sair da minha cabeça.”
Pôster de um filme fictício feito por fã.
The Rake

Poucos realmente conhecem o Rake, e os que o conhecem abominam isso profundamente.

Diferente das outras duas creepypastas já mostradas aqui, a do Rake possui fotos, vídeos e até gravações que talvez possam comprovar sua existência (ou, pelo menos, causar um pouco mais de medo), além de relatos pessoais. Como não é possível saber se são edições ou montagens, acredite com seu próprio ceticismo.

O Rake é uma criatura quadrúpede com cor de pele meio acinzentada e sem nenhum pelo no corpo, se assemelhando a um ser humano deformado, como se tivesse sofrido um acidente, e seus olhos são completamente negros, mas dizem que brilham no escuro enquanto vigia as vítimas. Ele escolhe algum humano para ser sua presa, o que faz com que a pessoa passe a ter uma ligação direta com a criatura, e aparece quando ela está dormindo. Se você for um dos escolhidos, ele vem durante a noite e se senta na beirada de sua cama, de onde te observa friamente, e não haverá nada que você possa fazer para impedir ser escolhido. Se você acordar e olhar em seus olhos, será o seu fim.

Há descrições de pessoas que tiveram uma experiência intensa, sendo consumidas pela loucura aos poucos. No começo, o Rake apenas fica observando, e caso a vítima acorde sentirá a presença dele, mas não verá nada. Na segunda noite, é possível ver o formato da criatura sentada na borda da cama, e ouvir os ruídos estridentes e anormais emitidos por ela. A cada noite seguinte, o Rake se sentará mais próximo de sua presa, até os pesadelos a acordarem por si só, e então ela olhará nos olhos do monstro ao seu lado.

Há relatos também de grupos de pessoas que tiveram experiências em família, presenciando a aparição, mas só quem foi escolhido é atacado. Por isso se você tiver sentimentos estranhos, e pensar que foi um dos escolhidos, deixe uma câmera gravando você enquanto dorme, e se, durante a gravação, ele aparecer sentado em sua cama, é melhor desejar nunca mais acordar durante a noite, pois seu destino estará selado.
Feito por Xx-tatooz-xX
Conforme a popularidade dessa creepypasta aumentava, alguns fãs decidiram criar jogos sobre esse monstro singular em engines 3D, dos quais apenas dois tiveram a merecida relevância por serem completamente aterrorizantes: The Rake - Back to Asylum e The Rake - Hostel.

Como eu já havia dito, foram gravados alguns vídeos que, talvez, possam comprovar a existência do Rake. Abaixo estão dois: um com compilações das aparições de seres de aspectos semelhantes, ao que tudo indica ser o Rake, e outro da criatura e seus ruídos tonitruantes sendo filmados.

[Recomenda-se assistir no formato de tela cheia.]




The Rake, em uma tradução direta para o português, significa "O Ancinho" (ancinho - ou rastelo, gadanho e ciscador - é aquele instrumento geralmente usado para recolher folhas, constituído por um longo cabo de madeira preso a uma travessa dentada de metal) como uma referência ao corpo fino do monstro das creepypastas e suas mãos com dedos longos e retos. Não se sabe quem criou esse nome e batizou a misteriosa criatura cinzenta com ele.

Um homem chamado Lee, após se mudar para uma casa nova, começou a ouvir ruídos estranhos e a ter sensações incômodas enquanto dormia, então começou a filmar sempre que essas "atividades sobrenaturais" ocorriam para provar que não estava louco e criou um canal no Youtube para compartilhar os acontecimentos. Vou adicionar aqui apenas dois desses vídeos, os dois em que há supostas aparições do Rake, e, caso vocês tenham curiosidade em assistir os outros vídeos dessa série, nesse canal você pode encontrá-los legendados.





Por fim, alguns relatos sobre o Rake para aprofundar o leitor nessa creepypasta que eu considero a mais aterrorizante:

Feito por hau

"Durante o verão de 2003, uma série de eventos no nordeste dos Estados Unidos envolvendo uma estranha criatura humanoide apareceu na mídia local antes de um grande apagão. Pouca ou nenhuma informação foi deixada intacta, e a maioria dos registros deixados na internet sobre a criatura desapareceram misteriosamente.
Aconteceu principalmente na zona rural do estado de Nova Iorque, onde várias testemunhas contaram suas histórias sobre seus encontros com uma criatura de origem desconhecida. Essas pessoas possuíam uma aparência perturbada e variações de humor constante, de medo e ansiedade a níveis de trauma. Enquanto as versões publicadas se foram, as lembranças ainda estão lá. Muitos dos envolvidos ainda estão à procura de respostas para o que aconteceu.
No inicio de 2006, ao final da investigação, encontraram quase 2 dúzias de documentos entre os séculos 12 e hoje em dia, em 4 continentes diferentes. Em quase todos os casos, as histórias eram praticamente idênticas. Eu estive em contato com um membro do grupo de investigação e fui capaz de obter algumas partes de seu livro que será publicado futuramente:

Nota de suicídio: 1964
"Enquanto me preparo para tirar minha própria vida, penso que é necessário escrever para amenizar qualquer dor ou culpa que sinto. Não é culpa de ninguém, além dele. Assim que acordei eu senti sua presença. E assim que acordei eu vi sua forma. Uma vez que acordei novamente eu escutei sua voz, e olhei em seus olhos. Eu não posso dormir sem medo da próxima experiência que terei quando acordar. Eu nunca mais posso acordar. Adeus."


Recado encontrado dentro de uma caixa de madeira onde haviam dois envelopes vazios endereçados a William e Rose, e uma carta pessoal sem envelope:
"Querida Linnie,
Eu tenho rezado por você. Ele falou seu nome."



Diário do Capitão: 1691
"Ele veio a mim durante meu sono. Do pé da minha cama eu tive uma sensação. Nós devemos voltar para a Inglaterra. Nós não devemos voltar aqui a pedido do Rake."



Trecho de um jornal (traduzido do espanhol): 1880
"Eu experimentei o maior terror. Eu experimentei o maior terror. Eu experimentei o maior terror. Eu vejo seus olhos quando fecho os meus. Eles são vazios. Negros. Eles me viram. Sua mão molhada. Eu não vou dormir. Sua voz... (parte ilegível)"


- Traduzido da Wiki e adaptado do Minilua.

Suas garras. Seus olhos...
The Slenderman

Para finalizar, a mais próxima de ser a creepypasta mais popular e sombria de todos os tempos.



O Slenderman - ou Slender Man, "Homem Esguio" em uma tradução livre para o português - foi criado por Victor Surge (sendo Eric Knudsen seu nome verdadeiro) após ser divulgado por ele em um fórum, em 2009, algumas fotos em que um ser alto, branco e magro, com o tronco e membros finos, presenciava momentos em que crianças e jovens interagiam entre si.


A criatura das fotos de Surge foi nomeada Slenderman pelos usuários do fórum, que começaram a espalhar casos e aparições envolvendo-no. No mesmo ano, o 4chan o descobriu e contribuiu para a divulgação do monstro.

O Slenderman é um ser alto e esguio, magro e com braços e pernas longos e finos. Em seu torso, ele veste um terno e usa uma gravata. Foi visto sempre em florestas e na presença de crianças. Não possui rosto, orelhas ou cabelo, sendo apenas uma cabeça vazia e inexpressiva.

Quando irritada, a criatura libera dezenas de tentáculos e passa a se teleportar, seu rosto fica negro como uma sombra e surgem garras em suas mãos.

Ele é capaz de se teleportar, porém sua estratégia é entrar na mente de suas vítimas, geralmente crianças ou jovens, perturbando-as aos poucos, até chegar o momento em que a pessoa não consegue mais viver sem gastar cada segundo - acordada ou dormindo - pensando no monstro. Em seguida, ele as leva para um jogo mortal de coletar páginas em uma floresta escura, aonde encarar seu rosto vazio significa o fim - de tudo.

Antes que descobrissem que Victor é um editor e manipulador de fotos e que as primeiras evidências do Slenderman surgiram no fórum "Something Awful" ("Algo Medonho", ao pé da letra) para um concurso em que era preciso transformar fotos normais em algo medonho, milhares de pessoas já temiam o Homem Esguio e, cada vez mais, imagens dele eram espalhadas e editadas, transformando-o em um ícone do terror da internet.

Alguns fãs criaram curta-metragens muito profissionais baseadas nessa lenda e ganharam grande reconhecimento no YouTube. Dois deles merecem destaque: FATHOM e Proxy.

FATHOM
Duração: oito minutos
Foco: drama e mistério
Idioma: inglês e sem legendas


Proxy - A Slender Man Story
Duração: nove minutos
Foco: suspense e terror
Idioma: inglês com legendas ou português

(Áudio em inglês e legendas em português)


(Áudio em português)

Marble Hornets, uma série criada a partir de vídeos amadores
que registravam estranhas aparições do Slender Man. Créditos.
Como se já não bastasse, a popularidade da criatura sem rosto quadruplicou após a Parsec Productions se basear no mito para criar seu jogo gratuito "Slender: The Eight Pages" (na mesma engine dos jogos do Rake) que consistia em uma simples jogabilidade: pegar oito páginas de caderno espalhadas por uma floresta escura utilizando uma lanterna com bateria limitada antes que o Slender pegasse você.

Além do jogo ser desafiador e a dificuldade aumentar a cada página pega pelo jogador (o Slenderman fica mais veloz e começa a se teleportar, os sons ficam insuportavelmente sinistros e o brilho do jogo diminui cada vez mais, além de o mapa explorável ser imenso e haver stamina - o único personagem jogável cansa), o ambiente e trilha sonora contribuíram para o jogo ser amedrontador.

Os fãs da lenda das creepypastas também decidiram se juntar à Parsec e criaram seus próprios jogos em engines 3D (e até existe uma feita no RPG Maker). Atualmente são dezenas de fangames em homenagem ao Homem Esguio; alguns apenas com mapas diferentes, outros com história, mas todos com o tão amado perseguidor aterrorizando todos em seu caminho.

Então a Parsec Productions, muito astuta, decidiu lucrar sobre a popularidade de seu primeiro jogo: fez parceria com a Blue Isle Studios e lançou, em 2013, o "Slender: The Arrival" com gráficos melhorados, tempo de gameplay mais extenso, uma história de verdade e com o queridíssimo Slenderman muito mais apavorante. Ler a creepypasta desse monstro não é nada comparado a um jogo em que o monstro está sempre ao seu redor. Você pode assistir ao trailer abaixo.


Por mais que muitos levem esse mito - que talvez seja o mais conhecido de toda a internet - a sério, alguns preferem brincar com a viralização dessa creepypasta, principalmente produtoras
de animações televisivas, que veem no Slenderman um ótimo easter egg para algum episódio.

Aparição do Slenderman em Total Drama, animação da Teletoon. Holy Dawn.
Aparição do Slenderman em Gravity Falls, animação da Disney Channel.
Após descobrirem essa aparição no programa e espalharem a imagem pela internet, os criadores da série se arrependeram e decidiram cortar o Slenderman dessa cena, redistribuindo o episódio corrigido. Pois é, com a Disney não se brinca. 

Em alguma atualização do Minecraft, foi inserido um novo inimigo para o jogador enfrentar: Enderman.
Uma criatura humanoide alta e completamente negra, que só se torna agressiva quando é atacada. Seus membros são longos e finos e olhar para seus olhos também o tornará hostil.
Sim, os Endermans foram baseados no Slenderman.



Alguns dizem que o Slenderman é um demônio que simboliza todos os defeitos e pecados humanos, e a ausência de um rosto representa a vergonha dos vivos de serem tão fúteis e nojentos, na busca por esconder suas falhas atrás de algo superficialmente vazio, que possa ocultar suas emoções, preconceitos, hipocrisia e imperfeições.

Por isso ninguém pode escapar do Slenderman: é impossível fugir de seus próprios defeitos.
É impossível fugir de si mesmo.

Feito por ADDICT-Se


Essa teoria também pode explicar o motivo de a criatura perseguir e sequestrar, preferencialmente, crianças. Por representarem a pureza e a inocência, o oposto de tudo o que o Slenderman representa, elas se tornam uma ameaça. Ou talvez um atrativo, um objeto de desejo pelo que é impuro e cruel.

Porém, ninguém se sabe o que acontece com as crianças sequestradas pelo monstro. Quanto aos adultos, ou são mortos na hora, ou se tornam Proxies. O termo Proxy foi criado por DarkHarvest00 para se referir a entidades ou pessoas sob influência e controle do Slenderman. Humanos que são pegos, manipulados e perdem o domínio de seu corpo para sempre. Kate, personagem do jogo Slender: The Arrival, se tornou uma Proxy, perseguindo e atacando sua irmã junto à criatura sem face.

The Collective, uma vasta organização de Proxies.
No hospital psiquiátrico Cane Hill, localizado em Coulsdon, uma cidade próxima a Londres, foi encontrado um desenho muito suspeito na parede de um dos quartos. O manicômio foi aberto em 1882 e funcionou até 1980, quando entrou em decadência e o fluxo de pacientes diminuiu gradativamente, fechando em 1981. O lugar, já abandonado, começou a atrair curiosos para explorá-lo e, em 2012, foi descoberta e revelada a imagem abaixo, um desenho de uma criatura muito parecida com o Slenderman. Como foi parar lá e quem o desenhou são perguntas que talvez permaneçam para sempre sem resposta. 


O vídeo abaixo é uma gravação policial norte-americana legendada em português que se diz estar arquivada desde 1989. Seu conteúdo retrata uma conversa entre um homem chamado Thomas Nealy e um policial, cujo objetivo é descobrir mais informações sobre o desaparecimento da filha de Thomas. Esse vídeo pode ser muito perturbador para algumas pessoas e até causar danos psicológicos.
Vocês foram avisados.


Reais ou falsas, creepypastas nos rendem boas histórias e certa diversão por algum tempo. Um entretenimento que dura pouco, embora o medo causado possa durar para sempre.

Extra?

   Existe um jogo feito no RPG Maker VX Ace chamado Creepypasta Land que reúne dezenas de personagens de creepypastas em um mesmo universo e deixa o jogador livre para arriscar sua vida para conhecê-las. A ideia do jogo é muito boa, embora não tenha sido planejada ou
desenvolvida muito bem, o que torna a qualidade do mesmo duvidosa. Apesar de ter sido criado pelo brasileiro Lucas Boato, o jogo está em inglês e é necessário o RTP do VX Ace para jogar. Possui dois finais e foi jogada por alguns youtubers, tanto de dentro quanto de fora do Brasil. O jogo possui todo tipo de terror psicológico, sustos, perseguições, efeitos sonoros perturbadores e vai te irritar muitas vezes... Caso tenha interesse mesmo assim, você pode instalar e jogar por sua própria conta e risco aqui.



~ L.C.

36 comentários:

  1. q dlç de post senhor lolicon ~mesmo sendo as mais famosinhas e.e posta mais posta mais ah e "Holy Dawn"

    ResponderExcluir
  2. Respostas
    1. porra gente caí da cadeira ;-;

      Excluir
    2. Eu estava sem som aahhaahaahhahaha , eu canso de ouvir a música ai tiro o som muahahhaahahahaha

      Excluir
  3. Já conhecia essas, só não conhecia os videos. Posta mais, mesmo conhecendo muitas é divertido relê-las! Ótimo post!

    ResponderExcluir
  4. Conheço todos >3 O Tio Jeff ta entre eles ,ele Disse que Gostou do Post é vai Colocar o L.C para dormir mais tarde,Acho o Jeff Muito Carismático .3 .Estou pensando em Reler mais umas 10 vezes As Creepypastas .3
    XLeon
    *Nota :Cheguei "Cedo"

    ResponderExcluir
  5. L.C. como sempre trazendo posts FUEDAS :3
    já conhecia todas essas (ainda me borro d medo cm o rake -nn) e o jeito q tu escreve...... da um gostinho d quero mais ♥
    e to cm medo d clicar no "Vá dormir", vai q é uma cilada pro Bino? -q

    ResponderExcluir
  6. não entendi o "Fathom" muito bem.. alguem me explica? po slenderman não mata as pessoas na hora, então por que ele deu a mão pra o velho e a menina? to confusa '-'

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Eu não assustei com o "Vá dormir" -w-
    Talvez só eu -qq

    ResponderExcluir
  9. Simplesmente.... AMEI O POST! eu antes de entrar no Zero Corpse pensei se poderiam lançar algo sobre creepys, e quando entrei fiquei surpresa! vou tentar jogar o RPG!

    ResponderExcluir
  10. O RPG foi removido ;w;

    ResponderExcluir
  11. A verdade sobe o Jeff é que, na realidade, uma menina sofreu bullying em um fórum qualquer na internet, fizeram uma montagem com a foto dela e daíi surgiu o Jeff the Killer. Sobre o Slender, outro fórum na internet pedia para fazerem uma montagem com algo assustador e montar uma legenda, então um cara colocou essa figura numa foto com crianças e escreveu uma legenda que falava algo sobre crianças desaparecidas, etc.
    NÃO ME ASSUSTEI COM O VÁ DORMIR, TÁ.

    ResponderExcluir
  12. Devo ter algum problema pois eu simplesmente AMEI as músicas, adoro coisas neste estilo e acompanhada de creepypastas fica melhor ainda, adorei o post S2 S2 LC :3

    ResponderExcluir
  13. Gostei muito. Faz uma parte dois dessa matéria depois :)
    Sugiro contar sobre o BEN Drowned, A Jane the Killer, o Zalgo, e alguma creepypasta de Pokémon.
    Saudades do que aparece no "Vá Dormir" - na primeira vez dei um grito aqui ^^

    ResponderExcluir
  14. Faz outro,eu amo creepypastas <3 ~~caramba,esse gif do slender quase me deixou cega ;-;

    ResponderExcluir
  15. Eu já to ficando com medo da Zero Corpse, pois esse povo anda lendo a minha mente!
    Tipo, uma vez eu tinha pensado em ir jogar The Gray Garden (em inglês claro) ai quando eu abro a aba na ZC pra fazer o download do jogo... "Tradução: The Gray Garden" ~le mini infarte.
    Ai depois justo quando eu resolvo ir jogar Wadanohara e o Grande Mar Azul (em inglês claro) eu abro a aba na ZC pra ver o que ta rolando e me deparo sabe com o quê?? Adivinha com o quê?? "Tradução Wadanohara e o Grande Mar Azul" ~le mini infarte part. 2.
    Até que um belo dia (-sqn) fico com vontade de ler algumas Creepypastas e ai me deparo com mais uma leitura de mente feita com sucesso (-q) "Horror Time: Algumas Creepypastas Famosas" ~le mini infarte part. 3
    Sério, vocês estão começando a me assustar '-'

    ResponderExcluir
  16. GENTE QUE DELÍCIA OLHA O JACK ALI QUE ORGULHOOOO
    really, o Jack nn é lá muito conhecido (pelo menos com o pessoal que eu conheço, tive que apresentar o jack pra eles)
    eu sou fã de creepypastas faz uns 3 anos e o Jack foi, de longe, o que eu mais fiquei com medo por uns tempos //*cofcofcoffiqueicommedotheraketbm*// maaaas enfim ótimo post <3 amei o blog (conheci agr por recomendação de uma amiga XD) e td mais, tem uns rpg maker que vocês traduziram e eu tava querendo jogar <333 obg, minha alma agradece
    ALSO, SE QUEREM UMA CREEPY BEM LOCA QUE ~pode~ SER REAL LEIAM "BOOTHWORLD INDUSTRIES"! e não liguem 630-296-7536, tenham uma maravilhosa noite //*corre para as montanhas*//

    ResponderExcluir
  17. Eu só conhecia o Slenderman 0-0 mas o quê me assustou foi o Rake...Poxa,o que aconteceu com o menino? Velho,issso me assustou profundamente ^^' mas eu amei ♥_♥ será que isso me faz meio louca? Pois eu gostei mas me deu um medo...E esse "vá dormir",porra,essa coisa me assustou mas não tanto pois eu esperava algo como isso,por isso eu nunca vou ver o quê vocês colocam no final :( só abaixando o volume,que aí vou numa boa :3
    Ah,e eu vou jogar esses jogos do Rake ^^ apesar de que acho que vou morrer de medo ¬¬' mas eu vou jogar numa boa e se for mesmo legal,vou jogar até o fim! *3*
    Enfim,eu adorei o post! (e não,eu não coloquei a trilha quando lia,não tenho um fone! ) hehe :D Então,até a próxima! *3*

    ResponderExcluir
  18. levei um susto com o ''Vá dormir'' puts o meu som tava alto T.T amo Jack apesar de me dar um medo é a creeypasta que mais amo <3 MAS to traumatizada com o Slender atualmente ele da um medão, vô demora pra dormir *apesar de ter visto o post de dia* Me diz quem vê um post desses de noite cara T.T ADOREI o site e continuem essa postagem maravilhosa que eu me borrei de medo falou? ;)

    ResponderExcluir
  19. Eu já conhecia o link do "Vá dormir" u.u

    Post muito bem trabalhado, parabéns L.C

    ResponderExcluir
  20. q susto fdp! -.- (adorei o post pft +u+ te amo )

    ResponderExcluir
  21. seria legal se vcs postassem penpal, não é muito conhecida, mas CARAMBA, É MTO BOA

    ResponderExcluir
  22. amei !! a do rake conhecia.. é realmente assustadora..

    ResponderExcluir
  23. Wow, eles só não são tão assustadores quanto os próprios seres humanos. -q
    Legal sua postagem, Hélice. ~

    ResponderExcluir
  24. Não to com medo,mas to triste eu gostava do irmão da rimeira menina to tristi T.T

    ResponderExcluir
  25. EI !!! voce esqueceu de falar De Everymanhybrid quando falou do The Rake e Do Slenderman , e Proxys saão de Marble Honets , a college e de TribeTwelve ... mas cara, ficou bem legal ^^ , acompanhou seu site sempre que quero jogar algum rpg maker de terror ( amo ) e. só queria dar essa observação .

    ResponderExcluir
  26. Sei que essa postagem é antiga, mais só gostaria de avisar que Creepypasta Land foi refeito e lançado para RPG Maker MV e existe uma demo de Creepypasta Land 2, caso o site deseje fazer uma review, obrigada.

    ResponderExcluir